• Brasil 4.0

Edital de Inovação para a Indústria está com chamadas abertas para investir em projetos inovadores

Chamadas contam com o apoio do Senai e do Sesi para atender desafios propostos por grandes empresas


O Edital de Inovação para a Indústria é uma iniciativa do Senai e do Sesi para promover inovação nas indústrias brasileiras. “Com o Edital de Inovação, fomentamos a interação entre indústrias grandes e pequenas empresas. Apoiamos o empreendedorismo ao conectar startups com companhias respeitadas do mercado, articulando o ecossistema de inovação e promovendo investimento e apoio técnico”, explica Fabrício Lopes, gerente executivo de Tecnologia e Inovação do Sistema Fiep.


No Senai Paraná, há duas chamadas abertas na categoria Empreendedorismo Industrial. A primeira chamada é a Conexão Transformadora. No escopo desta chamada, há três âncoras propondo desafios: a Algar Telecom, o Grupo Volvo e a Robert Bosch. As grandes empresas buscam selecionar até oito projetos de produtos, serviços, processos ou modelos de negócio inovadores que solucionem suas demandas. No total, serão destinados R$ 1 milhão e 480 mil para as seguintes demandas: a Algar Telecom procura soluções que aprimorem o processo de venda digital para micro e pequenas empresas; também que proponham novas tecnologias para o agronegócio; e soluções de automação de espaços e soluções para conexão de dados, pessoas e tecnologia para a saúde. O Grupo Volvo investirá em projetos que visem a gestão de dados, novas tecnologias para treinamentos e digitalização dos processos fabris e administrativos. Já a Robert Bosch selecionará projetos destinados ao desenvolvimento de novas tecnologias voltadas aos desafios de inteligência, conectividade e produtividade do agronegócio e da mobilidade rural e urbana. O regulamento completo pode ser encontrado aqui e o período de inscrições é até 10 de dezembro de 2019.


A Klabin, maior produtora e exportadora de papéis do país, está com uma chamada aberta para até quatro projetos de produtos, serviços, processos ou modelos de negócio inovadores que solucionem suas demandas. A indústria traz cinco desafios: Como co-produtos do processo de polpação Kraft (Lignina, Tall Oil e Terebintina) e celulose micro e nanofibrilada podem gerar valor na indústria de cosméticos?; Como novas tecnologias podem ser aplicadas para agilizar a mensuração da densidade básica da madeira em carregamentos?; Como monitorar o crescimento em diâmetro de árvores levando em consideração a influência do meio ambiente de forma prática, integrada e escalável?; Como otimizar e acelerar o processo de secagem de sacos de papel utilizando novas tecnologias?; e Como automatizar o processo de inspeção de qualidade dos produtos integrando os dados de reclamações de clientes para geração de inteligência e controle de qualidade mais eficiente?. O período de inscrições para esta chamada é até 15 de dezembro de 2019 e o regulamento pode ser encontrado aqui.


Podem participar das chamadas startups de base tecnológica, MEIs ou MPEs que possuam soluções que atendam os desafios propostos pelas companhias. Os projetos serão executados pelos Institutos Senai de Tecnologia e Inovação em parceria com as empresas. Para apresentar as chamadas e esclarecer dúvidas das empresas interessadas, o Senai irá promover um encontro no dia 29 de novembro, às 08h30, no Campus da Indústria, localizado na Av. Comendador Franco nº 1341, em Curitiba. A participação é gratuita e as inscrições podem ser feitas no endereço http://bit.ly/Divulgacao-Curitiba.


Edital de Inovação para a Indústria Sesi


Indústrias e startups que tenham propostas inovadoras para melhorar a qualidade de vida do trabalhador e promover a segurança no ambiente laboral também podem contar com investimentos do Edital de Inovação para a Indústria e suporte do Sesi no Paraná e do Centro de Inovação Sesi em Longevidade e Produtividade para implementar as ideias, sejam elas referentes a novos produtos, processos ou serviços.


Neste Edital, são duas categorias envolvendo a área de Segurança e Saúde no Trabalho (SST) e Promoção da Saúde (PS). A primeira categoria, Inovação em SST e PS, terá um investimento de até R$ 10 milhões, sendo o valor máximo aportado por projeto de até R$ 350 mil. Já a segunda categoria, Inovação Setorial em SST e PS, irá investir até R$ 4 milhões e é voltada para indústrias dos setores de construção, frigorífico, mineração, panificação, automotivo, alimentos e bebidas e suas cadeias produtivas industriais. Os projetos devem tratar de temas como higiene ocupacional, ergonomia, longevidade, fatores psicossociais, economia e tecnologias para saúde e estilo de vida saudável.


Os interessados podem inscrever seus projetos até o dia 06 de dezembro pelo site: http://www.editaldeinovacao.com.br.


Fonte e créditos de imagem: Agência Sistema Fiep

35 visualizações
banner-siemens-plm-160x600-pt.jpg
Assine nossa newsletter!
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Grey Facebook Ícone

© 2019 - Brasil 4.0 - www.br40.com.br

Fale conosco - contato@br40.com.br