• Brasil 4.0

Tecnologia GPON é o futuro da conectividade

Os espaços precisam cada vez mais de conectividade forte e potente. É onde entra o GPON, tecnologia que ganha cada vez mais força no nosso mercado.


*Rodrigo Paiva

Foto: Shutterstock - IT Forum 365

A era da conectividade avança a passos largos! A casa conectada é cada dia mais real no Brasil e não é incomum uma residência com múltiplos dispositivos que precisam de uma internet mais robusta: smartphones, games, TVs streaming, notebooks, tablets e tantos mais. Já é possível, por exemplo, proteger a casa com câmeras facilmente instaladas e com gravação em nuvem. E vem mais por aí!


Por isso, cada vez mais as residências e espaços corporativos precisam de conectividade forte e potente. É onde entra o GPON, tecnologia que já é realidade e que ganha cada vez mais força no mercado brasileiro. Passive Optical Network (PON) é a comunicação realizada por intermédio da fibra ótica. GPON é comunicação ótica na velocidade de 1 Gigabit, ou seja, a alternativa para trafegar grandes quantidades de dados entre transmissores (operadoras e provedores de internet) e receptores (residências, escritórios, empresas, restaurantes, consultórios etc.). A taxa de dados de downstream (do provedor ao ponto de internet) é de 2.5 Gbps e a taxa de upstream (sentido reverso) chega a 1.25 Gbps.


A utilização do GPON é indicada para conexões internet a partir da 100Mbps e pode chegar até 1.000Mbps. Para disponibilizar a internet via fibra ótica, os provedores precisam de transmissores chamados OLTs (Optical Line Terminal), equipamentos que ficam na base. É ele quem irá alimentar as ONUs.


ONUs (Optical Network Units), por sua vez, são receptores que ficarão no ponto receptor do cliente. São esses os dispositivos que receberão a fibra ótica vinda das OLTs para então transformá-la em uma rede utilizável no ambiente residencial ou corporativo. Existem ONUs que são utilizados com roteador em conjunto (Bridges) e outros que já trazem o roteador acoplado, já com Wi-Fi (PPPoE).


GPON também é uma rede muito flexível e permite o fornecimento de broadcasts, Ethernet IPTV, VOIP e E1 com grandes velocidades de até 10Gbps. A Netflix nunca mais vai travar!


Se pensarmos em possibilidades de negócios, a tecnologia traz diversos benefícios para a jornada no mundo conectado. Dá aos provedores de internet a possibilidade de oferecer conexões de qualidade aos clientes e, para estes, fornece uma internet eficaz para toda a utilização que queremos em nossos ambientes. Com isso, além de oferecer conexão de qualidade, é possível também oferecer produtos IoT e planos de utilização. Com a chegada do 5G no Brasil, essas possibilidades se multiplicarão.


Acredito, por conta de todo o cenário apresentado, que em poucos anos a tecnologia GPON fará parte de nossa realidade de maneira corriqueira. O futuro é luz!


*Por Rodrigo Paiva, gerente de marketing e produtos da D-Link


**Sobre a D-Link: A D-Link é líder global na conexão de pessoas, empresas e cidades. Nosso objetivo é conectar mais residências, pequenas empresas, empresas de médio e grande porte e provedores de serviços. A D-Link implementa e suporta soluções de rede unificadas que integram recursos em comutação, sem fio, banda larga, armazenamento, vigilância IP e gerenciamento de rede baseado em nuvem. Uma vencedora de prêmios de designer, desenvolvedora e fabricante premiada, a D-Link cresceu de um grupo de sete amigos desde sua fundação em 1986 em Taiwan para mais de 2.000 funcionários em todo o mundo.


Fonte: IT Forum 365

0 visualização
Assine nossa newsletter!
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Grey Facebook Ícone

© 2019 - Brasil 4.0 - www.br40.com.br

Fale conosco - contato@br40.com.br