top of page
  • Foto do escritorBR40

A era dos dados: cinco etapas para a Transformação Digital

Todas as organizações e indústrias, de qualquer área ou tamanho, estão se transformando. Existe uma necessidade urgente de usar a tecnologia para ter ganhos em agilidade, inovação e usar o poder dos dados em prol dos negócios. Nos últimos anos, ficou ainda mais claro que a transformação digital não será opcional.


Para os provedores de TI, mais do que apenas estar atento às tendências, é preciso também ter ciência dos desafios que podem surgir nessa jornada. Um exemplo básico, mas que não pode ser ignorado, é que olhar primeiro e exercer a transformação dentro do próprio negócio pode ser essencial. Outro ponto importante é ter ciência de estar preparado para enfrentar a demanda crescente do mercado em busca de parceiros de TI de confiança e com experiência.


Nesta jornada, gerenciar dados e tarefas cada vez mais complexas farão parte da rotina. E embora os dados sejam considerados necessários e imprescindíveis para qualquer operação eficiente, eles também têm o potencial de se tornar uma barreira no processo de transformação.


De acordo com um estudo liderado pela Dell Technologies, chamado Breakthrough, 34,5% dos entrevistados brasileiros, formados principalmente por tomadores de decisão de negócios e TI, acreditam que a oportunidade de se tornar uma empresa orientada por dados passará por eles. Ou seja, em todas as reuniões de negócios que você participa, há uma grande chance de mais da metade de seus colegas estarem se preocupando com dados.



O mesmo estudo ainda mostra que, na América Latina, 71% dos entrevistados acreditam que a população não será capaz de acompanhar as mudanças tecnológicas, o que é um paradoxo interessante. Embora a tecnologia seja um facilitador do potencial humano, o número de soluções e configurações para navegar pode sobrecarregar os trabalhadores com muitas opções de escolha.


Com essas questões levantadas, sugiro cinco etapas que podem ajudar no processo de transformação digital na era dos dados:


Ter uma visão clara de como a transformação digital pode ajudá-lo a realizar seus objetivos de negócios

Todo problema de TI começa com um problema de negócios. Antes de estabelecer as bases sobre como lidar com seus dados, pense nos desafios que você está tentando resolver como uma empresa. Uma vez que você tenha essa visão, você pode articular a solução de tecnologia certa e construir um plano com sua equipe.


Investir em modelos adequados de Borda e consumo que possam escalar

Os modelos consumíveis ajudam a aliviar ou diminuir a carga de gerenciamento de infraestrutura em suas equipes e você pode operar com agilidade, mas você também pode controlar e dimensionar seu ambiente, adaptando-se a diferentes dinâmicas. E então há uma oportunidade na Borda – onde você pode agir sobre dados próximos ao seu ponto de criação para gerar. Com a análise de dados em tempo real, você pode agir mais rápido e reduzir as preocupações de custos associadas ao envio de grandes quantidades de dados para um local central.


Automatizar tarefas

A pesquisa da Dell revelou que as pessoas estão dispostas a ter mais interações com a tecnologia se os benefícios pessoais forem mais claros. De fato, 69% dos entrevistados disseram estar ansiosos para ter mais tempo para desenvolver suas habilidades e elevar seus papéis.


Ao automatizar o trabalho, as pessoas estão disponíveis para se concentrar no que as inspira e na descoberta de oportunidades para os negócios. A mentalidade da curiosidade é uma habilidade valiosa para a análise de dados e uma vez que suas equipes têm tempo suficiente para olhar para os dados com uma abordagem estratégica, você começa a abrir caminho para decisões orientadas por insights.


Começar com pilotos de pequena escala

O ambiente de sandbox é perfeito para o método de teste e aprendizado, as pessoas se sentem seguras. É uma das melhores táticas para obter insights com análises e, ao mesmo tempo, estimular as pessoas a adotar e divulgar os sucessos. Neste ponto, você volta para o passo número um neste quadro. Olhe para o problema inicial dos negócios. Combine sua tecnologia recém-adicionada com os ganhos recentes da sua equipe a tempo de gerar um resultado positivo.


Fornecer treinamento adequado, mentoria e tranquilidade

Um verdadeiro avanço acontece na intersecção entre pessoas e tecnologia. Assim, é primordial reconhecer que, embora os modelos de TI baseados em consumo forneçam o espaço de respiração necessário para suas equipes, você deve implantá-los de maneiras sensíveis ao comportamento humano. Certifique-se de que todos estão acessando as ferramentas necessárias e tem treinamento e recursos suficientes para usá-las ao máximo. Comunique e estabeleça uma plataforma para que todos possam contribuir com ideias e serem ouvidos. A falta de comunicação é uma das áreas onde os entrevistados dizem que suas equipes mais lutam.



A tecnologia é responsável por desbloquear uma área de mudança de cultura das empresas em direção a decisões baseadas em dados. Ampliar recursos com automação e TI baseada em consumo implica em novas oportunidades e experiências que motivam as equipes. Com isso, é de se esperar um ganho substancial em produtividade e resultados.


Por Alvaro Camarena, SVP de Vendas de Canais da Dell Technologies América Latina

Fonte e imagem: InforChannel

Comments


160x600 whitepaper siemens.jpg
bottom of page