top of page
  • Foto do escritorBR40

Digitalizar para incluir: os desafios da conectividade no Brasil

As históricas deficiências de infraestrutura desencorajam a expansão digital, mas os avanços de novas tecnologias permitem perspectivas mais otimistas para o futuro. A conectividade é um desafio central para países em desenvolvimento como o Brasil. Historicamente, a falta de investimentos em infraestrutura e a complexa regulamentação das telecomunicações são fatores que desestimularam os avanços da conectividade no País, e que ainda prejudicam a velocidade e a qualidade da conexão em muitas áreas. É notável, no entanto, que o cenário no Brasil – e no mundo – atravessa um momento de plena expansão, principalmente com a chegada de tecnologias avançadas ao mercado.


Segundo a divulgação mais recente da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, cerca de 90% dos lares brasileiros têm acesso à internet. Ainda de acordo com a pesquisa, são 65,6 milhões de domicílios conectados — 5,8 milhões a mais do que indicava o levantamento realizado em 2019. A pandemia do Covid-19 escancarou a desigualdade do acesso, e jogou holofotes sobre importância da conectividade, impulsionando avanços significativos no Brasil. Porém, ainda existem desafios a serem superados para que o acesso à internet seja democratizado e a nova geração de tecnologia para as redes móveis (5G) seja bem aproveitada.


Projetos de banda larga e inclusão digital

Quando o assunto é conectividade, não se pode deixar de citar a importância dos projetos de banda larga para integrar áreas remotas à rede. A banda larga é a solução ideal para expandir o acesso à internet de alta velocidade e qualidade, contribuindo para o desenvolvimento econômico a partir da criação de novos negócios e do aumento da eficiência nas empresas. Além disso, não se pode deixar de mencionar a importância dessa medida para que mais pessoas tenham acesso a serviços de educação e saúde online.



5G para todos é possível?

A chegada do 5G, sem dúvidas, é um reforço para a conectividade no Brasil e será essencial para estimular o ecossistema brasileiro de inovação e tecnologia. O 5G representa uma imensa oportunidade de inclusão digital, e esta precisa ser uma prioridade para a implantação dessa tecnologia. Com uma conexão até 20 vezes mais rápida do que a última geração (4G), a nova tecnologia oferece velocidade, confiabilidade e responsividade de altos níveis, criando as condições ideais para viabilizar grandes avanços tecnológicos. A implantação do 5G definitivamente é um dos grandes desafios da conectividade no Brasil atualmente.


Investimentos em infraestrutura

As deficiências de infraestrutura são responsáveis por grande parte dos problemas de conexão no Brasil — especialmente se tratando de áreas remotas. O número de antenas instaladas em algumas regiões comparado à demanda de usuários é muito pequeno, o que resulta em menor velocidade da conexão. Por isso, intensificar os investimentos em infraestrutura é uma condição essencial para o futuro da conectividade no país, e somente com políticas públicas coerentes a expansão digital se dará com melhores índices de velocidade da conexão.


Para finalizar, reforço a importância da conectividade para garantir avanços civilizatórios em nosso País. A democratização do acesso à internet e a melhoria dos serviços trarão benefícios indiscutíveis para nossa sociedade, tanto no ponto de vista das pessoas em suas residências como para os negócios que compõem a economia nacional. Superar as barreiras burocráticas e políticas que cerceiam o desenvolvimento da conectividade é uma tarefa difícil e que pode durar muitos anos, mas é um fato que levar conexão de qualidade para os brasileiros deve ser uma prioridade em nosso País.


Por Bruno Villardi, CEO da Comm.

Fonte e imagem: InforChannel



Comentarios


160x600 whitepaper siemens.jpg
bottom of page