• Brasil 4.0

Empresa voltada para a gestão de cadeias de suprimentos adquire startup de Florianópolis


A Neogrid, empresa do segmento de software para a gestão de cadeias de suprimentos, anunciou hoje a compra da startup Smarket. A aquisição é a primeira depois da concretização de sua oferta pública inicial de ações (IPO) na bolsa de valores brasileira (B3), em dezembro de 2020. De acordo com um comunicado enviado ao mercado, “o preço da aquisição envolve o pagamento de R$ 8,5 milhões na data de fechamento da operação, e parcela adicional findo o período de 360 dias, limitada ao mesmo valor da primeira, observando disposições contratuais”.


“Nossa área de M&A está empenhada em identificar aquisições que possam acelerar o crescimento da Neogrid, seja acrescentando novas capacidades comerciais, competitivas ou de alcance tecnológico. Estamos atentos a empresas nacionais e internacionais, sobretudo na América Latina, que, além da integração de produtos e incremento de capacidades, sejam compatíveis com nossa cultura”, afirma Eduardo Ragasol, CEO da Neogrid.


Fundada em 2014 em Florianópolis, a Smarket oferece uma plataforma de gestão de promoções para supermercados, farmácias e redes de eletro, tornando todos os processos (do planejamento até a execução) mais simples e inteligentes. Em 2020, a startup cresceu 33%, fechando o ano com 68 clientes e um faturamento de R$ 303.437,19.


David Abuhab, Chief Strategy Officer da Neogrid, conta que o negócio chega para complementar o portfólio da empresa. “Com a aquisição, vamos poder agregar ainda mais valor aos varejos que já utilizam a Neogrid, ampliando a capacidade das soluções de planejamento e reposição e de execução de loja. A solução da Smarket atua em um processo de muita relevância do mercado varejista brasileiro, o promocional, que impacta a cadeia de abastecimento. Mais de 40% dos produtos disponíveis para venda no varejo alimentar, por exemplo, são itens em oferta. A soma das duas empresas vai potencializar as estratégias do varejo”, diz.


Segundo Thiago Grechi, Chief Financial Officer da Neogrid, a empresa já havia identificado a sintonia com a startup. “Acompanhamos o histórico da Smarket há bastante tempo e já éramos parceiros, pois a solução que oferecem se enquadra perfeitamente como um complemento do nosso negócio. Esses pontos foram cruciais para a escolha por ela como a primeira aquisição após o IPO”, explica.


Marcela Graziano, fundadora e CEO da Smarket.

As operações da startup, que conta com 26 funcionários, serão mantidas de forma independente, buscando sinergias econômicas, comerciais e integração de soluções com a Neogrid. Marcela Graziano, fundadora e CEO da Smarket, ressalta que a conexão também está no valor que a empresa vê no ambiente de inovação para garantir entregas de qualidade aos clientes. “Além da gestão das ofertas, com o sistema de trade, mapeamos as lojas, identificando e garantindo se os produtos nas pontas de gôndola são os melhores para o negócio de cada um”, finalizou.






Fonte e Imagens: Startupi

18 visualizações0 comentário
Assine nossa newsletter!
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Grey Facebook Ícone

© 2019 - Brasil 4.0 - www.br40.com.br

Fale conosco - contato@br40.com.br