• Brasil 4.0

Gol testa robô para tirar dúvidas de passageiros em Guarulhos

Dispositivo vai ser "pilotado" pelo remotamente por pelo presidente da companhia na sexta


Quem tiver um passagem marcada para o aeroporto de Guarulhos (GRU) no começo de outubro pode esbarrar com uma robô de telepresença da Gol Linhas Aéreas. A companhia deve testar o dispositivo até o dia 9/10 para esclarecer dúvidas dos clientes a respeito de reservas, voos e dúvidas específicas sobre o aeroporto.


O novo robô também disponibiliza compartilhamento de tela para escanear QR Code após o check-in. A ideia do projeto, que ainda está em fase de prova de conceito, é flexibilizar o atendimento nos aeroportos, trazendo mais segurança — o robô funciona sem que seja preciso tocar uma tela ou visor.



“Diferentemente da GAL, que responde a perguntas pré-programadas, como num chat automático, o robô de telepresença é capaz de promover um atendimento humanizado, inovador, amigável e objetivo – e sem qualquer contato físico, somente por voz”, afirma a gerente de TI e GOL Labs, Flavia Segura.


Para Raioni Santos, gerente de Operações Aeroportuárias da Companhia, “o fato de disponibilizarmos o atendimento em qualquer área do aeroporto de forma simples, segura e empática proporciona uma experiência única na jornada dos nossos Clientes”.


Robô x presidente

O robô de telepresença possui um tablet acoplado e um software de comunicação, e será comandado em tempo real, à distância, por uma equipe de três pessoas, com revezamento de turnos. Na próxima sexta-feira (2), um dos atendentes será o presidente da Gol, Paulo Kakinoff, que pilotará remotamente o equipamento alocado no aeroporto de Guarulhos.


Há grande chances de os clientes que consultarem o equipamento entre às 9h e 11h possam falar diretamente com o CEO e questioná-lo sobre os procedimentos de saúde e segurança adotados nesse período. Sobre a expansão desse novo serviço oferecido pela companhia aérea, a intenção é que, em um espaço curto de tempo, o robô de telepresença esteja atendendo também nos outros três hubs: Brasília, RIOgaleão e Fortaleza.


Além disso, a solução deve ampliar seu escopo nas próximas fases: realizando pagamentos, venda de passagens aéreas e serviços complementares, impressão de cartão de embarque e tag de malas, além do apoio aos passageiros no desembarque, nos casos de danos e extravios.


Fonte e imagens: IT Forum 365



banner-siemens-plm-160x600-pt.jpg
Assine nossa newsletter!
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Grey Facebook Ícone

© 2019 - Brasil 4.0 - www.br40.com.br

Fale conosco - contato@br40.com.br