• Brasil 4.0

Innovation Tour: edição especial apresenta inovação na Indústria


Que a inovação é um fator fundamental para gerar diferenciais competitivos no mercado corporativo, as empresas já sabem. Mas por que apenas cerca de 20%* das maiores empresas do País tem programas estruturados de open innovation, se relacionam com o ecossistema e fazem negócios de fato com startups?


Para entender quais são os principais desafios, caminhos encontrados, principais oportunidades e projetos atuais realizados pelas indústrias para inovar com apoio das startups, o Startupi realizará dia 4 de novembro, uma edição especial da mais importante imersão no ecossistema de inovação e startups – o Innovation Tour Virtual, com líderes de iniciativas na Braskem, Ambev, Basf e Vale.


GARANTA SEU INGRESSO!


Para Geraldo Santos, diretor-geral do Startupi, “uma das principais barreiras que impedem ou atrasam as empresas no processo de transformação digital é a questão cultural, a falta de conhecimento e de segurança ao lidar com startups. Por isso, o Innovation Tour vai receber em sua terceira edição virtual, casos reais de empresas que estão inovando na indústria e cada dia mais usando a agilidade e as técnicas de startups para criar soluções disruptivas para problemas reais do setor”.


Há 3 anos o Startupi realiza imersões como forma de gerar aprendizado e conhecimento prático, além de muita conexão e networking com o ecossistema de inovação e startups, nos principais polos do País. Centenas de empreendedores, investidores e colaboradores do setor privado ou público puderam durante esse período visitar presencialmente e conhecer de perto o que tem de mais avançado em tecnologia nas principais startups e empresas inovadoras. A pandemia trouxe a oportunidade de expandir o evento com sua versão digital, agora, os participantes podem ter acessos os bastidores das melhores empresas do Brasil sem limites geográficos, mas com o mesmo propósito: conectar pessoas e obter conhecimentos. Confira aqui as edições anteriores.


Por que falar sobre inovação na Indústria?


Segundo estatísticas do Portal da Indústria, atualizado em março de 2020, a Indústria, como um todo, representa 20,9% do PIB do Brasil, mas responde por 70,1% das exportações de bens e serviços, por 72,2% do investimento empresarial em pesquisa e desenvolvimento e por 33% dos tributos federais (exceto receitas previdenciárias).


Sendo, portanto, um importante segmento para a economia do Brasil, muitos líderes ainda sentem que o setor não inova tanto quanto deveria. Na pesquisa encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) ao Instituto FSB, que mapeou a percepção de executivos de médias e grandes indústrias sobre inovação e sua importância no atual cenário do país, 83% das empresas afirmam que precisarão de mais inovação para sobreviver no pós-pandemia.


O setor ainda sentiu grande impacto causado pelo coronavírus. Dos 400 entrevistados, 65% (composto por médias e grandes empresas) informou que teve sua produção reduzida, enquanto 69% perdeu faturamento.


Ainda, de acordo com a pesquisa, 92% das empresas informaram que inovam. Dessas, 55% garantem que a inovação aumentou muito a produtividade. Entretanto, falando sobre recursos e gente, só 37% dizem ter orçamento específico para inovação e 33% têm profissionais dedicados exclusivamente aos processos inovativos.


Com a pesquisa fica evidente que, apesar do reconhecimento da importância da inovação na indústria, há um longo caminho a percorrer para construir processos e implementá-los dentro das empresas.


Conheça os anfitriões


Durante o evento, os participantes poderão conhecer os bastidores das empresas e conversar com os executivos que estão fazendo a diferença no mercado. Confira abaixo mais detalhes sobre as iniciativas de cada empresa e quem serão os palestrantes.



AMBEV

A empresa, dedicada à produção de bebidas, entre as quais cervejas, refrigerantes, energéticos, sucos, chás e água, foi criada em 1999. Com um olhar atento ao mercado, ela vem, durante os últimos anos, apostando na inovação para aperfeiçoar seus produtos e atendimento.


Umas das iniciativas nesse sentido foi a criação da Aceleradora 100+, programa que seleciona startups inovadoras com soluções para os principais problemas socioambientais da atualidade.


Além disso, o Centro de Inovação e Tecnologia Cervejeira, que aqui no Brasil é localizado no Parque Tecnológico da Universidade Federal do Rio de Janeiro, tem como objetivo ajudar a empresa levar inovação através do desenvolvimento de novas tecnologias e produtos.


Marcos Medeiros, Community Manager da Cervejaria Ambev, será um dos participantes do tour e falará aos participantes sobre as principais tendências de mercado e estratégias de inovação e transformação da empresa.


BASF – onono

A Basf, multinacional química de origem alemã, foi fundada em 1865. Aqui no Brasil, a empresa chegou em 1911. Atualmente a empresa atua em seis segmentos: Químicos, Materiais; Soluções Industriais; Tecnologias de Superfície; Nutrição e Care e Soluções para Agricultura.


A empresa também adotou o conceito de inovação aberta e tem criado diversas iniciativas nesse sentido. Uma delas é a plataforma AgroStart. O projeto, que começou em 2016 como um programa de aceleração, atua hoje em quatro frentes de trabalho: aceleração de startups em estágio inicial ou mais maduras, intraempreendedorismo com os colaboradores da BASF no Garagem AgroStart, aportes do BASF Venture Capital (BVC), responsável por realizar investimentos em startups e fundos de capital de risco, e o Ecossistema AgroStart, braço da plataforma que firma parcerias com grandes empresas – atualmente conta com Samsung, Bosch e Banco do Brasil.



Outro projeto desenvolvido pela Basf é o Centro de Experiências Científicas e Digitais da BASF. Criado para conectar o ecossistema por meio da inovação para transformar os negócios, ele atua em quatro pilares: inovação, transformação, colaboração e conexão.


Mirella Lisboa, líder de Inovação Aberta no onono, e Victoria Vendramini, desenvolvedora de Marketing e Ecossistemas Digitais no onono, explicarão mais detalhes da iniciativa e apresentarão cases de sucesso dentro do onono.


BRASKEM

A Braskem, empresa brasileira do ramo petroquímico e produtora de resinas termoplásticas, foi fundada em 2002 e tem como propósito contribuir com a cadeia de valor para o fortalecimento da Economia Circular.


Para alcançar esse objetivo através da inovação, a empresa criou o Braskem Labs, uma plataforma de empreendedorismo de impacto. Com duas modalidades de programas de aceleração, ele atua na busca por soluções que causem impacto socioambiental positivo.


O Braskem Labs combina capacitação e mentoria e as empresas selecionadas participam da aceleração por cerca de cinco meses e recebem, entre outros itens, diagnóstico de negócio, apoio personalizado, acesso a uma rede diversa de mentores, networking com conexão a potenciais clientes e parceiros estratégicos do mercado. Ao final do programa, ainda há a oportunidade de se apresentar para investidores e possíveis clientes.


O Startupi convidou Gabriela Kuchinski, responsável pelo Braskem Labs, Livia Tizzo, responsável pela área de inovação digital da Braskem, e Fábio Theodorovitz, analista de inovação digital sênior na Braskem, para falar mais sobre a inovação dentro da empresa e compartilhar mais detalhes sobre o programa de aceleração.


VALE

A Vale, mineradora multinacional brasileira e uma das maiores operadoras de logística do país, também estará presente no Innovation Tour Indústria. Fundada em 1942, a empresa também adotou a inovação na indústria pois acredita que negócios inovadores são mais sustentáveis e possuem um melhor desempenho trazendo, dessa forma, novas oportunidades.


Assim, com o objetivo de se tornar um acelerador do ecossistema de inovação, a companhia tem buscado cocriar novas soluções de forma colaborativa, além de dar escala a resultados de negócio e criar valor compartilhado por meio da conexão com atores externos.


Uma das iniciativas nesse sentido foi o Desafio Vale Covid-19, lançado em março deste ano, a fim de contribuir com a redução do impacto da pandemia sobre a sociedade. Segundo a empresa, o desafio beneficiou mais de 600 mil pessoas.


Para falar sobre essa e mais iniciativas, o Innovation Tour Indústria terá a participação de Alexandre Mosquim, líder de Inovação Aberta na Vale que compartilhará os cases de sucesso da empresa, além de dicas sobre inovação.


É uma oportunidade única de se conectar com o ecossistema de inovação, conhecer os principais casos de sucesso no Brasil, visitar (virtualmente) a sede dessas empresas, bater um papo com os anfitriões e realizar muito networking.



Por: Janaina Dantas. Jornalista do Startupi, formada pela FAPCOM - Faculdade Paulus de Tecnologia e Comunicação em 2015.

Fonte: Startupi com as 1000 maiores empresas do Valor.


O Innovation Tour Indústria acontece no próximo dia 04 de novembro das 09h15 às 12h30.

Para mais informações e inscrições, clique aqui.

banner-siemens-plm-160x600-pt.jpg
Assine nossa newsletter!
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Grey Facebook Ícone

© 2019 - Brasil 4.0 - www.br40.com.br

Fale conosco - contato@br40.com.br