• Brasil 4.0

Mercado brasileiro aguarda a disrupção prometida pela tecnologia 5G

A tecnologia 5G é a próxima geração da telefonia móvel. Ela representa uma evolução da que utilizamos atualmente e trará impacto na velocidade, na segurança, na versatilidade de uso e no volume de dados que trafegam na rede. O seu efeito principal será o de viabilizar outras tecnologias, que dependem de uma comunicação mais avançada, capaz de suportar uma quantidade infinitamente maior de dispositivos do que a tecnologia atual suporta.


Segundo Wilson Diniz Wellisch, Diretor do Departamento de Projetos de Infraestrutura, Telecomunicações e Banda Larga (Depin), “o 5G é uma tecnologia disruptiva, porque traz vai alavancar a internet das coisas, além de possibilitar maior quantidade de usuários por antena. Isso permitirá uma nova gama de negócios”, destacou. Em 29/09, o executivo fez a palestra de abertura do segundo dia da ABES Conference 2020, organizada em parceria com a The Shift.


“A Lei 13.879/2019 permite que as antigas concessões de telefonia fixa possam ser adaptadas para modelos com menos amarras. Traduzindo, isso significa que o valor agregado será revertido em banda larga para o país. A ANATEL vai traçar as diretrizes para essa área, pois bilhões de reais serão direcionados para a banda larga”.


Com mais aparelhos conectados em alta velocidade, haverá espaço para a criação de serviços, suportados por novos modelos de negócios em telecom e em uma gama ampla de segmentos, construir um futuro com muita automação.


“Existem muitas coisas novas para o Brasil. O país está investindo massivamente em tecnologia e vamos atingir as metas para o desenvolvimento tecnológico da nação”, afirmou.


Fonte e imagens: ABES Software

banner-siemens-plm-160x600-pt.jpg
Assine nossa newsletter!
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Grey Facebook Ícone

© 2019 - Brasil 4.0 - www.br40.com.br

Fale conosco - contato@br40.com.br