top of page
  • Foto do escritorBR40

Siemens prepara um dos edifícios mais altos de Portugal para o futuro da mobilidade elétrica

  • A Siemens forneceu 200 produtos VersiCharge e um sistema de gestão de carregamento inteligente para o edifício Infinity

  • O contrato inclui o SICAM Dynamic Load Management, uma solução para usar a capacidade da rede de forma eficiente

  • Hardware e software fazem parte do Siemens Xcelerator, uma plataforma de negócios digital aberta que permite que os clientes acelerem sua transformação digital

 


A Siemens Smart Infrastructure forneceu e instalou 200 carregadores VersiCharge e um sistema de gestão de carregamento inteligente no edifício Infinity. Foto: Divulgação Siemens
A Siemens Smart Infrastructure forneceu e instalou 200 carregadores VersiCharge e um sistema de gestão de carregamento inteligente no edifício Infinity. Foto: Divulgação Siemens

A Siemens Smart Infrastructure forneceu e instalou 200 equipamentos VersiCharge e um sistema de gestão de carregamento inteligente no edifício Infinity, um dos locais residenciais mais altos de Lisboa, Portugal. José Cardoso Botelho, CEO da Vanguard Properties, proprietária do edifício Infinity, apontou: “A atividade imobiliária tem um impacto considerável tanto ambiental como social na comunidade. A Infinity é um projeto de imenso orgulho para nós, e uma importante referência da nossa transformação digital. Estamos felizes por ter colaborado com a Siemens para criar um edifício sustentável para o amanhã.”


A solução integrada de carregamento de VE (veículo elétrico) foi personalizada pelas equipes de engenharia e software da Siemens em Portugal. Permite uma gestão de carregamento no local dinâmica e inteligente. Os painéis, que são intuitivos e fáceis de usar, apresentam informações abrangentes ao gerente ou operador do edifício, que pode visualizar instantaneamente todas as informações sobre cada carregador, bem como monitorar o consumo de energia em tempo real. São produzidos relatórios precisos por apartamento com base no consumo mensal, facilitando a otimização do desempenho energético do edifício. 


Siemens

Os VersiCharge são distribuídos em seis ilhas de carregamento, em três andares do edifício. A gestão de energia também está preparada para a futura integração de sistemas fotovoltaicos ou outros de geração de energia renovável, bem como o armazenamento de energia que contribuirão ainda mais para a eficiência energética e a redução das emissões de gases de efeito estufa do edifício. O conjunto inclui as mais recentes funcionalidades de segurança cibernética e apoia os esforços globais para atingir as metas climáticas, permitindo a expansão das energias renováveis. 


Markus Mildner CEO da área de eMobility da Siemens Smart Infrastructure acrescentou: “A gestão da infraestrutura de carregamento de veículos elétricos através de uma gestão inteligente da carga é crucial para sistemas de energia sustentáveis e para a estabilidade da rede”.

 

O contrato inclui a entrega do SICAM Dynamic Load Management (DLM) altamente escalável, baseado na plataforma de automação de energia SICAM A8000. A série SICAM A8000 é uma linha de dispositivos modulares para aplicações de automação de telecontrole e rede elétrica em todas as áreas de fornecimento de energia. O SICAM DLM é um sistema de gerenciamento de estação de carregamento altamente robusto e pronto para o futuro. Ele está preparado para receber sinais de restrição de rede de operadores de distribuição (DSOs) e para integrar recursos locais de energia distribuída (DER) e armazenamento de energia, tornando-o a solução ideal para a transição energética.


Interplast 2024

A solução facilita a comunicação com os carregadores, a partir do qual extrai informações relacionadas ao consumo e oferece algoritmos dinâmicos de gerenciamento de carregamento. Como parte do portfólio Siemens Xcelerator, uma plataforma digital aberta que permite aos clientes acelerar sua transformação digital de forma mais fácil, rápida e em escala, o dispositivo apoia uma estratégia dinâmica de gerenciamento de carga para os operadores do edifício.

 

O plano de recuperação e resiliência de Portugal visa apoiar o crescimento econômico e prepará-lo para o futuro. Ele prevê a implantação de 15 mil estações de recarga de veículos elétricos até 2025. O edifício Infinity é um condomínio de luxo da Vanguard Properties localizado em Sete Rios, Campolide, Lisboa. É um dos maiores projetos residenciais da cidade, com 26 andares acima do solo, 195 apartamentos e 352 vagas de estacionamento, cobrindo mais de 50.000 metros quadrados de área útil. Pretende ser o local residencial mais alto e icônico do centro da cidade de Lisboa, com a engenharia ambiental e a sustentabilidade no seu cerne. 


 

Sobre a Smart Infrastructure:

A Siemens Smart Infrastructure (SI) está definindo o mercado de infraestrutura inteligente e adaptável de hoje e do futuro. A companhia está focada em atender aos desafios urgentes da urbanização e das mudanças climáticas, com a conexão de sistemas de energia, edifícios e indústrias. A SI cria ambientes que colaboram com o planeta e o bem-estar das pessoas, oferecendo aos clientes um portfólio completo de produtos, sistemas, soluções e serviços integrados, que envolvem desde a geração de energia até o consumo. Com um ecossistema cada vez mais digitalizado, contribui para o progresso de clientes, parceiros e de toda a sociedade. A sede global da Siemens Smart Infrastructure está localizada em Zug, na Suíça, e a empresa possui cerca de 75 mil funcionários em todo o mundo.


siemens

A Siemens AG (Berlim e Munique) é uma empresa líder em tecnologia focada em indústria, infraestrutura, transporte e saúde. Desde fábricas mais eficientes em termos de recursos, cadeias de fornecimento resilientes e edifícios e redes mais inteligentes até transportes mais limpos e confortáveis, bem como cuidados de saúde avançados, a empresa cria tecnologia com propósito de agregar valor real para os clientes. Ao combinar os mundos real e digital, a Siemens capacita seus clientes a transformarem suas indústrias e seus mercados, ajudando-os a transformar o cotidiano de bilhões de pessoas. A Siemens também detém uma participação majoritária na empresa de capital aberto Siemens Healthineers, uma fornecedora líder global de tecnologia médica que molda o futuro da saúde.

No ano fiscal de 2023, que terminou em 30 de setembro de 2023, o Siemens Group gerou receita de € 77,8 bilhões e lucro líquido de € 8,5 bilhões. Em 30 de setembro de 2023, a empresa empregou em torno de 320.000 pessoas em todo o mundo. Mais informações estão disponíveis aqui.


Fonte: Assesoria de Imprensa  InPress Porter Novelli

Comentários


160x600 whitepaper siemens.jpg
bottom of page